28 de mai de 2012

10 meses?!

Tive que calcular o tempo de cirurgia, é mole?? Não tinha muita noção se eram mesmo 10 meses, que louco!

Pois é, 10 meses após a cirurgia e de presente ganhei uma crise de vesícula, lindo né? Estávamos com visita em casa ontem. Meu maridex estava preparando um almoço para meus tios e afilhado, prometido a mais de 5 meses. Já não tinha acordado muito bem, mas não sabia bem por que. Quase não comi... pra falar a verdade, tinha comigo 1/3 de pão francês com pastinha de atum (atum com creminho de ricota temperado).

Eles chegaram, começamos a conversar, de repente uma dor danada, como se fosse gases. Tomei Luftal, caiu como uma bomba... a dor ficou insuportável!! Não aguentei, pedi arrego e fomos para o PS da Beneficência Portuguesa. Chegando lá acionaram o pessoal do Garrido, pediram uma pancada de exames, incluindo uma tomo.

Quatro horas depois mais uma pela dose de Tramal e soro para hidratar, o médico de plantão do Garrido apareceu e me deu a boa notícia que estou com infecção na vesícula. Antibiótico pancadão, muito Buscopan composto e um ultra de abdomem daqui uns dias para levar para o Dr. Nestor avaliar, se existirem pedras, FACA!!!!

Presentão né???



24 de mai de 2012

Manequim 14?? Como assim?!

Ontem ganhei dois pijamas de flanela lindinhos de viver... mega quentinhos... o maridão que deu... foi comprar para nosso filhote e trouxe para mim também... número??? 14!!!!!

Fala sério... como é que pode a gente perder tanto a noção das dimensões do nosso corpo assim... tô preocupada...

23 de mai de 2012

Tem sofrimento sim...

Meu único sofrimento depois da cirurgia é não poder mergulhar numa lata de doce de leite... eita trem bão!!!!!


(Mas dá pra colocar só o pezinho né... kkkkk)

18 de mai de 2012

Meta cirurgião atingida!

Bem, hoje venho até aqui para registrar que hoje, 18/05/2012, menos de 10 meses depois da minha cirurgia, atingi a meta que meu cirurgião estabeleceu para o primeiro ano, e como peso saudável, segundo sua visão.

60 quilos!!!!
35,5 quilos a menos!!!!
São 7 pacotes de arroz mais 1 pacotinho de café, tem noção?????


É isso... e o balanço deste tempo:

- Saúde 100%
- Vigor 100%
- Felicidade 1000%

Eu tinha muito preconceito quanto a cirurgia, pensava que era coisa de incapazes... ledo engano. Vejo hoje que é uma ferramenta muito poderosa se utilizada corretamente.

Continuo meus acompanhamentos: clínico, nutricionista, psicologa, tudo bonitinho, como manda o figurino. Como direito, de forma balanceada. Lógico que me dou o luxo de comer uma besteirinha de vez em quando, mas é muito raramente, muito mesmo.

Todos ficam impressionados por que não estou com cara de velha, não estou pelancuda, como de tudo, toda hora, tomo água, não passo mal, enfim, tô levando vida normal. Minha única falha assumida é a falta de atividade física. Sim, até hoje não engrenei nada e provavelmente tão cedo não comece. Fazer o que? Quem não tinha tempo e uma logística que ajudasse, não é por que emagreceu que passa a ter né? Então, continuo aqui, sedentária, o que é péssimo... mas enfim... é o que tem para hoje.

Engraçado como há um preconceito velado com os obesos. Em tese, ninguém assume este preconceito, mas ele existe sim, e de forma muito poderosa. Agora, 35,5 kgs a menos, percebo como portas que nem imaginava que existissem se abrem. Enfim, o ser humano é assim mesmo.

Agora, para fechar o post com chave de ouro, a tão manjada fotinho da balança. Primeira (e última) do blog.

Prazer, pé de pato!

16 de mai de 2012

35 quilos off depois...

Bem, faz tempo que não coloco nada aqui, na verdade, poucas novidades depois da cirurgia... hoje me peguei perguntando quanto tempo faz... rs

Subi na balança: 35 quilos off!!! Gente, 35 quilos é muita coisa!!! Faltam 1/2 quilo para atingir a meta que o médico me deu para 1 ano, enfim... a saúde está bem, então, creio que a perda esteja normal.

Segunda meta já está programada: 56 kg. Sem prazo, sem estresse. O objetivo é ter folga para a engorda de 10% do peso final depois dos 2 anos de cirurgia... SIM!!!! TODOS GASTROPLASTIZADOS ENGORDAM NOVAMENTE!!! O normal, se manter uma alimentação balanceada é recuperar 10% do peso final, o seja, se chegar aos 56 kg, quando engordar, vou estar com o peso que estou agora, tá ótimo!!!

Mas o que mais me chocou de tudo isso é que eu passei da lingerie GG que nem sempre servia para lingerie P que nem sempre serve (AGORA FICA ENORME!!!).

Estou indo aos poucos a revisão do guarda roupas. Primeiro calças e casacos, depois sapatos, agora lingeries... ui... meu bolso também está emagrecendo...

É isso... sem mais delongas.